Ir para conteúdo

Leaderboard


Popular Content

Showing content with the highest reputation since 14/09/2019 in all areas

  1. 10 points
    SaLaZaR

    OPERAÇÃO WHITEGULF

    Boa Noite a todos, Após o julgamento de “El Chapo”, em reunião com a DEA e vários representantes dos governos do México, Colômbia, Venezuela e Equador, com a ONU, foi decidido a implementação da Operação “WhiteGulf” para travar a crescente vaga de crimes e tráfico de estupefacientes. Plantações de drogas, tráfico de Armas, tráfico humano, lavagem de dinheiro, corrupção e associação criminosa são os pontos chave determinados a funcionar como objectivos principais desta operação. Embora os altos dirigentes da ONU desaconselham veementemente a intervenção militar contra estes crimes mas os representantes dos governos e a DEA, conseguiram demonstrar que os cartéis representam e funcionam como pequenos exércitos e como tal, deve ser combatido pela mesma força (militar). O Presidente da Colombia Iván Duque Márquez quer por força mostrar ao mundo que ao contrário de alguns dos seus antecessores, ele está isento de qualquer tipo de ligação à corrupção que favorece o narcotráfico. Assim sendo, foi destacada a BRR portuguesa para intervir na Colômbia em cooperação com o governo e exército colombiano. O primeiro objectivo é desmantelar o cartel Clan del Golfo (aliado do cartel Sinaloa de “El Chapo”, no México). O ELN vem por acréscimo por ser uma força paramilitar com ideologias de extrema-esquerda que quer uma Revolução de Cuba na colômbia, e quer derrubar o sistema democrático e dominar zonas chave da Colômbia. Muitas dessas zonas são dominadas pelos cartéis. O ELN que tomar posse das zonas que são verdadeiras rotas de narcotráfico para poderem financiar-se para a sua luta. Essas rotas estão na posse do Clan del Golfo, o que torna este Clan um inimigo da ELN. Forças Aliadas: Exército Colombiano ; Polícia Nacional Colombiana Forças Inimigas: Clan del Golfo (AGC) (1) ; Exército Libertación Colombiana (ELN) (2) (1) (2) ELN - Uma parte significativa dos rendimentos do ELN advêm do "imposto de guerra", a que sujeita as companhias petrolíferas e eléctricas, e dos sequestros a troco de resgate. O ELN é responsável pela maioria dos sequestros na Colômbia. Até a morte de seu líder histórico,Manuel Perez, um padre espanhol que chefiou o movimento durante cerca duas décadas (até 1998), o ELN não se dedicava ao narcotráfico. O Observatório de Minas Anti-Pessoal coloca a hipótese não confirmada que o ELN, armam minas anti-pessoal com o objectivo de proteger os cultivos ilícitos de folha de coca para a fabricação de cocaína. Nos últimos anos o ELN tem-se incluído no negócio de mineração ilegal, isto é, aquela que não detém títulos mineiros nem control por parte do governo colombiano; principalmente na extorsão aos donos e exploradores destas minas ilegais, quem lhes paga uma percentagem do valor da sua exploração ou o direito de incluir retroescavadoras na sua área de influência, a troco de continuar a aproveitar os recursos naturais no subsolo. O principal recurso natural que se explora nestas minas ilegais é o ouro, das quais se crê que o ELN tem várias actividades de exploração directa, causando graves danos ao ecossistema de onde estão localizados estes depósitos, resultado do uso indiscriminado das rectroescavadoras para remover o subsolo dos bosques e a irresponsável disposição junto a fontes de água de mercúrio e cianeto, vitais para separar o ouro da terra removida, causando doenças na população civil. Pelo elevado custo do ouro no mercado internacional, converteu-se numa actividade igual ou mais rentável que o narcotráfico. Desde 2017 que se denuncia a presença na Venezuela do ELN e de dissidências das FARC, fazendo trabalhos como capatazes nas explorações de ouro, diamantes e coltan dos estados Bolívar, Apure e Amazonas; os dois últimos fronteiriços com a Colômbia, de onde estariam a trabalhar em aliança com o regime bolivariano para explorar os recursos minerais, transportá-los e entregá-los ao governo venezuelano, que agora recorre à exploração mineira como nova fonte de ingressos perante o declive da sua produção petrolífera, o que veio como consequência da crise económica, política e social que, em 2018, ainda padece o país vizinho, dando às Forças Armadas Venezuelanas um papel passivo fazendo-se “vista grossa” nos lugares onde estão os grupos ilegais colombianos. Clan Del Golfo (AGC) - A antiga Autodefensas Unidas de Colombia (AUC) foi uma organização paramilitar contra-insurgente e terrorista de extrema direita que participou no conflito armado interno na Colômbia, sendo o grupo criminoso a que foi atribuído o maior número de vítimas na Colômbia, com 94.754 assassinatos, incluindo mais do dobro de assassinatos cometidos pelas guerrilhas colombianas. Consolidou-se como um agrupamento paramilitar nos finais da década de 90 e o seu principal objectivo era, no início, combater organizações de esquerda ilegais como as FARC-EP, a ELN ou o ELP em várias regiões da Colômbia, aquelas que estavam controladas por várias facções do grupo guerrilheiro. Em 2006 desmobilizou-se o último dos 30150 homens que, segundo o alto comissário para a paz Luís Carlos Restrepo, pertenciam às AUC. A origem do grupo remonta a uma região chamada Urabá, um golfo localizado perto dos departamentos de Antioquia, Córdoba e Chocó, junto à fronteira com o Panamá, uma zona por onde se traficam drogas, devido a que são «corredores estratégicos» por onde se pode enviar mercadorias a outros destinos nacionais e internacionais. Ainda que as suas actividades começaram no Golfo do Urabá, a origem da organização está ligada a uma zona conhecida como Orinoquía ou os Llanos Orientales, de onde o narco-paramilitar Daniel Rendrón Herrera conhecido por Don Mario realizava todo o tipo de operações no Bloque Centauros, uma facção militar das AUC. Para as AUC, os Llanos sempre foram um corredor estratégico, um lugar onde se realizaram actos criminosos. O sector petrolífero e rancheiro sofreu constantes ataques. Os paramilitares apoderaram-se militarmente da zona, onde também se cometeram extorsões. E em alguns casos se supervisionava a produção de cocaína, por meio de laboratórios clandestinos. Naquela época, vendedores e todo o tipo de pessoas vinculadas ao narcotráfico enfrentaram-se com a guerrilha das FARC pela zona estratégica dos LLanos Orientales. No final da década de 90, os paramilitares e chefes máximos das AUC, Carlos e Vicente Castaño, deram ordens às suas milícias com fim a controlar e operar todos os negócios relacionados com a droga, tarefa que também era feita pelas FARC. No início da década de 2000, Carlos e Vicente propõem vender um dos seus esquadrões militares a Miguel Arroyave, um narcotraficante que finalmente conseguiu a compra do esquadrão por US $ 7.000.000. Sob a supervisão de Arroyave e Rendón, o Bloque Centauros estabeleceu-se como uma das facções guerrilheiras mais importantes das AUC. O seu objectivo principal estava relacionado com o negócio do narcotráfico, também extorquiam empresários e pessoas dedicadas ao sector agrícola, assim como, os membros do grupo estabeleceram o chamado «imposto revolucionário» como sistema de financiamento. A extorsão também se estendeu a todas aquelas pessoas que comercializavam qualquer tipo de produtos, incluindo empresas petrolíferas que chegaram a pagar $20.000.000 mensais, segundo as declarações de vários ex-membros do grupo armado. O Bloque Centauros empreenderia uma série de ataques contra um grupo militar que actuava na zona, que era conhecido pelo nome de Autodefensas Campesinas de Caanare ( ACC). Uma das organizações mais antigas da Colômbia, liderada por Héctor José Buitrago Rodríguez. Durante 2004, a confrontação militar entre os dois grupos deixou uma grande quantidade de mortos, pelo menos 2000 pessoas perderam a vida. Finalmente, Daniel Rendón retirou-se para os Llanos Orientales, depois de várias discussões com MIguel Arroyave. Perante toda a situação sofrida, Daniel Rendón decidiu viajar ao golfo de Urabá. Uma vez localizado na região, consegue estabelecer contactos com o seu irmão Freddy Rendón Herrera, conhecido por El Aléman, outro narcoparamilitar e chefe máximo do denominado Bloque Elmer Cárdenas. No entanto, Miguel Arroyaves sofreu um atentado: membros das suas tropas decidiram assassiná-lo, com a ajuda de Pedro Oliviero Guerrero Castillo, um membro raso das AUC. Finalmente Freddy Rendón Herrera entregou-se às autoridades, enquanto o seu irmão Don Mario conseguiu estabelecer-se e controlar grande parte das actividades que anteriormente eram uma prioridade para Freddy. Uma das principais tarefas foi recrutar todo o pessoal possível que alguma vez trabalhara para o seu irmão, também falou com alguns membros da guerrilha do Ejército Popular de Liberación (EPL), com fim de vinculá-los e trabalhar sob o seu mandato. Uma vez consolidado dentro da região do Urabá, Don Mario enviou vários carregamentos de droga para a América Central, por meio de lanchas e botes. Até um máximo de vinte embarcações chegavam directamente ao seu destino. Daniel foi considerado « o capo do narcotráfico da Colômbia», segundo a opinião pública. Daniel Rendón tentou expandir o seu império, pelo que foi até ao Sul de Córdoba, pela região de Bajo Cauca, no Norte de Antioquia. Também viajou à cidade de Medellín, que estava controlada pela temida Oficina de Envigado (outro grupo criminoso e “descendente” do grupo de Pablo Escobar). Os homens de Daniel Rendón começaram uma luta contra os Paisas e pouco depois contra a Oficina de Envigado. A polícia culpou a organização de Daniel Rendón pelo homicídio de umas 3000 pessoas entre 2007 e 2009. A 15 de Abril de 2009, uma equipa de 300 comandos da polícia capturou Rendón numa quinta rural de Urabá. Depois da captura de Rendón, vários ex-membros do seu grupo foram trabalhar com os irmãos Úsuga David, Juan de Dios e Dario Antonio, dois ex-paramilitares de ranque médio que tinham trabalhado com Rendón desde a década de 90. Os irmãos começaram com uns 200 homens após a detenção de Rendón, e desde então conseguiram uma expansão territorial que abarca 182 municípios e também algumas zonas fronteiriças de outros países como a Venezuela, Equador e Panamá, onde se encontraram alguns membros. No início do mês de Janeiro de 2012, o chefe máximo do grupo, Juan de Dios é abatido pela polícia, numa quinta localizada no departamento de Chocó. Perante este eventual acontecimento, o Clã Úsuga empreendeu vários ataques contra as autoridades, como justificação da morte do seu chefe. O grupo destribuiu uma grande quantidade de panfletos ameaçadores e impediu a continuidade das actividades comerciais. Enquanto o seu irmão Dario Antonio finalmente ficou como chefe absoluto do grupo. Segundo a Corporação Novo Arco Íris, uma organização que promove a paz e o diálogo como resposta ao conflito armado na Colômbia, os do Clã Úsuga « são uma espécie de exército privado dos testa-de-ferro dos antigos paramilitares e estão a cobrar dívidas dos mesmos». O Clã Úsuga começou por denominar-se Clã Urabeños mas para evitar que pessoas que viviam em Urabá continuassem a ser conectadas com o Clã, passou a denominar-se Úsuga. No entanto Úsuga é um apelido disseminado por toda a Colômbia, daí que, alterou-se novamente a denominação e passou a ser Clã del Golfo já que a sua principal actividade centrava-se no Golfo de Urabá. Após a captura de Don Mario o clã para não perder a ala política que provinha ainda da antiga AUC, autodenominou-se Autodefensas Gaitanistas de Colómbia (AGC) Equipamentos: O equipamento pessoal será semelhante à campanha anterior, pelo que fizemos actualização ao armamento e ópticas, de acordo com o novo equipamento do Exército Português: Mapa da Área de Operações da FND Armalusa: De acordo com a informações obtida através da Polícia Nacional Colombiana, as áreas a Azul e Vermelho são as áreas onde se registaram maiores atividades dos Cartéis que vamos combater: O Quartel-General (QG) da Armalusa, irá ficar sediado na Base Aérea Pathfinder. COMUNICAÇÕES: A VOSSA ATENÇÃO AOS CALLSIGNS: Comandos: "MORCEGO" SW - FREQ. 110MHZ Paraquedistas: "LOBO" SW - FREQ. 120MHZ Rangers: "LINCE" SW - FREQ. 130MHZ FAP: "JAGUAR" LW - 30MHZ (Utilizar a frequência de Comando para solicitar a JAGUAR) "JAGUAR 1" Capitão @Luso ; "JAGUAR 2" @sandro1500 ; "JAGUAR 3" @1ºCb C. Martins COMANDO: "GATO-BRAVO" LW - 30MHZ EQUIPAS: LW: 31MHZ LISTA DE MODS: https://steamcommunity.com/sharedfiles/filedetails/?id=1853090454 Sem mais, Gato-Bravo Terminado.
  2. 7 points
    76Jaws

    MARCAÇÕES NO MAPA

    Boas, Ontem, no treino, tivemos uma formação sobre marcações no mapa. Houve a necessidade de uniformizar a simbologia e nomenclatura usada no mapa para que todos "falem a mesma língua". Muitas vezes as marcações são feitas para outra ou outras equipas sejam informadas daquilo que podem esperam quando vão para o terreno e é imperativo que quem lê as marcações saiba o que é que significa cada uma delas, sem necessidade de comunicações via rádio para esclarecer as mesmas. Deixo aqui o link do vídeo da formação que foi dada. NOTA: Ao min. 31:59 em resposta à questão do AceVentura (Se eu vir uma offroad com infantaria atrás, como é que marco?), cometi um erro em afirmar que a marcação seria como uma technical mais infantaria. Sendo que antes expliquei que a marcação de um veículo não armado seria VIC e uma Technical seria TECH, em que se assume que esta marcação tem implícita a existência de uma MG estática montada atrás, logo, uma offroad com infantaria atrás não se pode denominar como TECH mas sim como VIC. Daí que, a resposta correcta à pergunta seria, a marcaçao é feita como VIC INF. Se se souber o número de infantarias que vai na parte de trás marcar-se-ia por exemplo, VIC 6xINF.
  3. 6 points
    Kerozen

    Mod F-16 Fighting Falcon Portugal

    Publiquei o mod F-16 Fighting Falcon Portugal na steam com skins portuguesas. Se alguém que tenha visto os F-16 portugueses ao vivo testar o mod deem me feedback das cores para poder ajustar melhor as skins
  4. 4 points
    SaLaZaR

    OPERAÇÃO WHITEGULF

    Boa noite pessoal, Aquando ataque da missão passada, foi capturado um membro do "Clan Walker", um Clã aliado ao Clan del Golfo (CDG). Sobre 'pressão' do Exército Colombiano, revelou que os danos causados pela força Armalusa, chegaram aos ouvidos de Luis Antonio Sanjuan "Pácora" - Responsável pelo financiamento do CDG. Sabemos que o mesmo se vai reunir com alguém importante - não sabemos quem, numa antiga base militar, perto do Castelo de Clan Walker (origem do nome do Clan Walker). O acesso a esta antiga base militar é Restrito, pelo que estava sob alçada da Polícia Colombiana, pelo que o facto do Pácora se reunir lá, é bem possível que tenhamos uma ovelha negra a operar na nossa sombra. Esta missão será de carácter SECRETO, pelo que serão adotados os procedimentos OPSEC. = OPERAÇÃO FARRUSCO = A nossa missão principal é capturar VIVO OU MORTO Luis Antonio Sanjuan - Nome de código "PÁCORA"; Objetivo secundário é descobrir quem é a ovelha negra. 10102019: > Reabastecimento do pessoal e dos veículos; > Dado o carácter da missão, apenas a AL e o Exército Colombiano sabem da missão. Equipas vão-se deslocar para o Ponto 1, um hangar abandonado na Pos. 045146. Conforme imagens de drone abaixo, sabe-se que foram estabelecidos dois pontos de bastante interesse: - no ponto 2 "TORRE" existe um ponto de observação fulcral do Clan Walker, que terá ser tomado, e que servirá de "Overwatch" para o ponto 6 "COIRO"; - no ponto 4 "RUIVO" existe uma torre de comunicações "pirata", que terá que ser destruída, de modo a que as milícias que estejam a operar nas imediações, não sejam alertadas. > LOBO: Vão ter 2 camiões civis no Ponto 1, que vão utilizar para se moverem até à "ESTRELA" - Uma antiga posição radar, que vai servir de ponto de partida para o ponto 6 "COIRO" - Vão ser a equipa de "Breaching" de dia 11/10. NOTA IMPORTANTE: só existe 1 estrada de entrada e saída, ninguém deve ser daquela posição a partir do momento do assalto; > LINCE: Fazer o reconhecimento da "TORRE", para tomar na missão de 11/10; > MORCEGO: Fazer o reconhecimento do "RUIVO", para tomar na missão de 11/10; > JAGUARES: Vão ter ao vosso dispor um Drone "YABHON-R3" - Missão de reconhecimento da AO, podendo recorrer a qualquer helicóptero ao vosso dispor - NÃO ENTRAR DENTRO DO PERÍMETRO COMPREENDIDO ENTRE OS PONTOS 2, 3 e 4. 11102019 = OPERAÇÃO FARRUSCO = > LINCE: Tomar o ponto "TORRE", e providenciar o visual sobre o "COIRO" - Estão autorizados a utilizar a AWM. > MORCEGO: Neutralização da torre de comunicações "RUIVO", com recurso a Explosivos, pelo que terá de ser corretamente cordenado com o início do assalto ao ponto "COIRO". Ambas as equipas Lince e Morcego, deverão auxiliar a LOBO em qualquer ação necessária, aquando o assalto. > LOBO: Fazer o assalto o "COIRO", neutralizar qualquer ameaça, procurar pelo "PÁCORA". > JAGUAR: Providenciar overwatch com o "YABHON-R3", e manter no ar um heli com capacidade MEDEVAC/CAS. Podem utilizar o F16 caso necessitem. - Vamos ter o auxílio do Exército Colombiano, que vai atacar objs secundários em redor da nossa AO. Deverão auxiliar com CAS.
  5. 4 points
    SaLaZaR

    OPERAÇÃO WHITEGULF

    Boa Noite, Segue a lista dos HVT do ELN e do CDG: ELN 1) 2) 3) 1) NICOLAS RODRIGUEZ BAUTISTA "GABINO" - Lider da ELN 2) Ellecer Herlinto Acosta "ANTONIO GARCIA" - Braço direito de "Gabino", e líder militar da ELN 3) Gustavo Anibal Quinchia "PABLITO" - Responsável máximo da contabilidade da ELN. Cartel del Golfo 1) 2) 3) 1) Dairo Antonio David "Otoniel" - Lider do CLG 2) Luis Antonio Sanjuan "Pácora" - Responsável pelo financiamento do CDG. 3)Miguel Botache Santanilla "GENTIL DUARTE" - Líder Militar do CDG
  6. 4 points
    PCanas

    Base Aberta

    Este ano, infelizmente, só havia 2 F-16 a voar. Os outros, ou pelo menos a maior parte deles, foram deslocados para a base de Beja, pois vão repavimentar toda a base de Monte Real, o que a torna inoperacional durante o processo. Ainda assim, algumas fotos: (algumas imagem dão erro a aparecer no post, mas se carregarem no link, elas abrem noutra tab) E, por fim, o Sr. Inspector
  7. 2 points
    AceVentura

    Airsoft

    Já sei porque não vi o @Blackjagg quando vi a reportagem na SIC, ele está de lado...
  8. 2 points
    TMaster

    IMG_20191008_155941_997.jpg

    Isto é o que vem nas caixas de cpu chinesas. Será que tenho fe vir de fato para montar pcs?
  9. 2 points
    PCanas

    MARCAÇÕES NO MAPA

    Algumas sugestões/observações, não menosprezando nem querendo complicar o que foi dito, nem o trabalho que houve a fazer a apresentação: 9:50 - Sobre a indicação dos equipamentos "especializados" que podem haver nas patrulhas/infantarias É aconselhável algum bom senso, no sentido de marcar apenas o que pode representar um maior perigo para a forma como vamos atacar, de modo a evitar marcações de meio metro tipo Pat 9 (RPG, MG, SNP). Ou seja, Se eu for atacar a pé, "não preciso de saber" que há lá um RPG, pois normalmente os AIs não disparam RPGs contra infantaria. Por outro lado, é importante saber que há MGs, MRKS, ou GLs, pois estes serão alvos prioritários. Se for atacar com veículos, a indicação de RPG já é (mais) importante, pois representa um perigo para o veículo, e torna-se um alvo prioritário. É ainda boa prática indicar quantos são, no caso de serem mais que um. Por exemplo Pat 9 (3xMG, 2xRPG), ou seja, dos 9, 3 são MG e 2 são RPG. 10:53 - Sobre a marcação do percurso e direcção das patrulhas Nem sempre é possível determinar com exactidão o percurso que uma patrulha faz. No entanto, é melhor ter alguma coisa que o indique do que não ter nada. Assim, sempre que houver dúvidas no percurso, marquem o que pensam que é, ou marquem parte do percurso, e metam uns "??" por cima da linha. 15:00 - 16:25 - Sobre as várias formas de marcar infantaria com equipamento específico São apresentadas duas opção: 2x Inf MG 2x MG Uma vez que estamos a tentar uniformizar as marcações, e tendo em conta que por vezes tem que se marcar muita coisa em pouco espaço, sugiro que nestes casos, em que há várias infantarias mas todas com o mesmo equipamento, se deixe cair a parte do "Inf" e se meta só a parte do equipamento. Ou seja, optar pela segunda opção (2x MG, 2x RPG, 2x SNP, etc). 41:00 - Sobre as AAs fixas É importante fazer a distinção entre a AA fixa estilo IGLA e a AA fixa estilo canhão, pois esta última pode atacar infantaria e veículos terrestres, tal como acontece com as Shilkas e os camiões. E assim de repente, é só...
  10. 2 points
  11. 2 points
  12. 2 points
    Pinho

    20190830231231_1.jpg

    Engenhóca digna de se mostrar Créditos para Ace
  13. 1 point
    Kerozen

    Airsoft

    Olha o @Pidukes, @Blackjagg e o @Homer na SIC aos 1:30. Já são famosos! https://sicnoticias.pt/pais/2019-10-13-Jogo-de-airsoft-angariou-cerca-de-uma-tonelada-de-alimentos-para-associacao-de-Evora?fbclid=IwAR2WzdWUTD3GVFgGBstWcltahGusbddd0fTjEgbuOl0thOyskJFvQpgssf8
  14. 1 point
    PCanas

    Mod F-16 Fighting Falcon Portugal

    Se quiseres pormenor das caudas...
  15. 1 point
    Sld. J. Gomes

    VAGAS DE SQUADS

    Vagas existentes nas equipas: 1º Companhia de Comandos ( MORCEGOS) Squad Leader - Major SALAZAR 2. Miguel 3. Luis 4. Sarge 5. Raising 6. Palma 7. Braz 8. Golias 9. Waki Paraquedistas Pelotão de Paraquedistas 1º Secção 1ºComandante de secção - @CbAdj. P. Pragana Atirador Socorrista- @Picolas Atirador- @Porluso Atirador @D. Lopes Atirador- @A.Pereira 2ºComandante de secção- @Mr.maggoo Atirador - Atirador- Atirador- 2º Secção Comandante de Pelotão @sneek R.T.O.- Médico - 1ºComandante de secção- @Vhmagro Atirador- Atirador- @Baigodes Atirador - @dldcribeiro 2ºComandante de secção - Atirador- Atirador - Atirador - 3º Secção (todos os Novos e membros que tenham pouca assiduidade) Atirador -@capa Atirador -@X-Style Atirador -@Duck Atirador -@FullSky Atirador -@N.Moreira Atirador -@MChelio Atirador -@Rckiller Atirador -@TMaster Atirador -@Pidukes Atirador -@Ruben Atirador -@Mendigo Atirador -@GODZILLA Atirador- @Darkbeast Atirador- @BrunoDG Atirador- @Sold. J. Gomes Atirador- Atirador- Atirador- Atirador- Atirador- Atirador- Atirador- Atirador- Atirador- Atirador- Atirador- Atirador- C.T.O.E. RANGERS Squad Leader -1ºTEN 76Jaws - SL 2. Blackjagg - FTL 3. Petersang - MED 4. Sentry - AT 5. Nuno Reguenga - RTO 6. PCanas - MARKSMAN 7. Eaglesnuke - MG 8. Aceventura - ENG 9. Pinho ESQUADRA 301 JAGUARES CAPITÃO - CPT. Luso 2. Sandro 3. Carlos 4. DISPONÍVEL COMANDO OPERACIONAL MAJOR - Salazar CAPITÃO - Luso TENENTE - 76Jaws TENENTE - Sneek
  16. 1 point
  17. 1 point
    SaLaZaR

    IMG_20191008_155941_997.jpg

    "Suitable for Chernobyl (may contain Uranium)"
  18. 1 point
    PCanas

    Videos Militares

  19. 1 point
    PCanas

    Videos Militares

    Aquele som...
  20. 1 point
    Já foi informado pelo próprio que o ban foi por engano. Também já foi informado pelo próprio que o ban foi levantado. Se ainda não consegues entrar, só tinhas que enviar uma PM a alguém do staff a avisar, e o problema seria (e vai ser) investigado. Vir para a "praça pública" fazer barulho E AMEAÇAS não te leva a lado nenhum, e só ficas (muito) mal visto. Posto isto, vão acontecer, para já, duas coisas: 1- o tópico será encerrado para evitar que a coisa descambe; 2- esta tua atitude vai ser avaliada pelo staff, e muito provavelmente haverá consequências. Pedro Canas STAFF
  21. 1 point
    What????? Bem que atitude...... Caro CIVIL QUE QUER SER FORMANDO, É uma pena eu ser EX Major..... Porque o teu assunto já estava resolvido...BAN, ninguém pode chegar aqui, mesmo que tenha razão, e fazer o que fizes-te, só tinhas que educadamente mandar mensagem privada ao Sr. Salazar, que por acaso até é o responsável máximo a informar que o ban do ts ainda não estava levantado, e ele concerteza que te iria ajudar, mas como parece que só queres é crirar problemas, ( cheira-me a pasaado) eu já não te dava o beneficio da duvida, de ter sido o vinho que caiu mal ao jantar....por isso deixa-me fazer publicamente pressão ao nosso MAJOR Salazar, não dês hipoteses de vir um ex problematico membro com uma atitude de caca, estragar o que estão a fazer! Prazer José Gomes Ex staff, ex Major, ex Capitão, agora soldado! Mas humilde!!!!
  22. 1 point
    Faz-me um favor... Quando falares com a malta do TeamSpeak, diz-lhe que o TS está uma merda. há mais de 10 anos que não há updates e que não fosse o facto de terem um outra coisa exclusiva já todos tinham mudado para o Discord. Já agora manda comprimentos ao augusto e diz que ainda estou a espera do bolo que ele me tinha prometido... Para quem está como formando criar guerra com o major é de homem... è de mim ou esse PT que tens no nome deve ser de Paulo Terrário porque pela maneira como escreves PT tens zero! Abraço RC um gajo que não é staff!
  23. 1 point
    Ora boas, sem adiantar muito, quem é staff no forum é quem gere o TeamSpeek. Se já te informaram que foi feito o levantamento do ban, só te resta aguardar. Mais informo que aqui ninguém faz o que quer que seja sobre qualquer tipo de ameaça. Os melhores cumprimentos, PeterSang.
  24. 1 point
    Boa noite, por lapso meu foste banido, mas ja foi levantado. Peço desculpa pela situação, Cumps.
  25. 1 point
    PCanas

    Videos Militares

    CQB sobre rodas, a partir dos 10:00 . Especial atenção ao pormenor dos 20:45, 23:25 e 25:50 ------------
  26. 1 point
    SaLaZaR

    Videos Militares

  27. 1 point
    76Jaws

    OPERAÇÃO WHITEGULF

    Os valores são verdadeiros meu amigo. Qualquer reclamação faça-a ao governo colombiano directamente.
  28. 1 point
    PCanas

    OPERAÇÃO WHITEGULF

    4 mil milhões de dólares ?!? Mas o gajo matou meia dúzia ou matou o país todo?
  29. 1 point
    Kerozen

    Videos Militares

    Visita do Presidente ao Centro de Tropas de Operações Especiais (mais interessante a partir dos 3:50) http://media.presidencia.pt/videos/mrs2019/PRMRS_190920_V01_RC_FHD.mp4
  30. 1 point
    SaLaZaR

    Base Aberta

    Uma Fotográfica
  31. 1 point
    DoG

    Videos Militares

    Que rico penico
  32. 1 point
    76Jaws

    Reunião Extraordinária 14072019

    Estiveram presentes na reunião os membros: - Micronx (Staff) - PCanas (Staff) - SaLaZaR (Staff) - Rckiller (Staff) - PeterSang (Staff) - Raising (Staff) - Sneek (Support) - 76Jaws (Support) Resumo dos assuntos: Custos mensais fixos: O Micronx fez um apanhado dos custos mensais fixos que suporta toda a comunidade da Armalusa. TS – valor dinâmico. Alocado à Amazon. Taxa fixa (cerca de €16) mais valor adicional de volume de transação de dados. Varia entre €18 e “vinte e tal por mês”. Licença de 500 utilizadores. Foi adquirida gratuitamente. Fórum – Custo de manutenção do servidor e electricidade (€15 /mês) para 24h suportado pelo Micronx. Valores que são suportados pela comunidade, são para updates, plug-ins etc. tem valores variáveis. A última vez que se fez updates teve um custo de “cento e tal euros”. Acrescer ainda o custo de domínio. Total mês= €40 O custo do TS é suportado pelo Micronx. Pagamento é feito por cartão de crédito pessoal. Não é feito pela comunidade. Forum Falou-se sobre possíveis custos de alojamento e domínio do forúm . O Micronx aconselha a que o novo site ou fórum não seja muito fechado em termos técnicos para que futuramente qualquer outra pessoa possa ocupar a posição do Raising na manutenção e alterações ao fórum. Pensar em encontrar uma solução amigável para qualquer pessoa ser capaz de o fazer. O Micronx compreende que a construção do novo site seja morosa e consegue aguentar o forúm como tem aguentado até aqui mas propõe que se encontre uma solução para os custos do TS. TS Neste momento o TS está ligado à Amazon (que é a mais cara) mas podemos procurar soluções mais baratas. A decisão de ir para Amazon deveu-se a alguns ataques de hackers em que só na Amazon o problema ficou resolvido e acabou por ficar na Amazon até hoje. Quando quisermos migrar o TS o Micronx faz o Backup e orienta-nos para fazer a migração. O Micronx apontou alguns conselhos quando o TS for gerido pelo Staff: Nunca lançar dois servidores de TS ao mesmo tempo em IP públicos diferentes. Tem que se fazer shutdown de um e depois lançar o outro. Na raiz há um ficheiro que diz querypwhitelist.txt deve-se colocar os IP´s que têm acesso para fazer querys ao TS, por exemplo se o fórum forem fazer querys ao TS. Fazer actualização do TS pelo menos uma vez por ano Ter atenção que em Setembro ou Outubro termina a anuidade do TS. Há que tentar resolver esta questão até lá. Servidores Dedicados e Remote Admin. Falou-se sobre as várias soluções para servidores dedicados. O Arma remote admin em 2020 irá deixar de ser pago mas perde features. O Micronx diz que eles tinham anunciado que iria mudar em Outubro do ano passado mas mantém-se até agora. Actualmente temos a versão premium do remote admin. Micronx propôs dar uma vista de olhos na Firedemon que é uma aplicação que faz o trabalho do Arma remote Admin mas tem um defeito que não faz updates dos Mods automaticamente. Esta aplicação é usada por muitas comunidades de jogo e a Armalusa tem a licença desta aplicação. Rckiller O RC anunciou que quer se dedicar mais à futura vertente de multigaming e deixar a parte do Arma. Mantêm-se como Staff mas direccionado, para além da comunidade, para questões que tenham a haver com o multigaming e não com o Arma. Redes Sociais e Canais Página do Facebook – alteração da administração para Rckiller e SaLaZar Teste - edit
  33. 1 point
    SaLaZaR

    Modelos 3D Veiculos Exército PT

    Boas, Se alguma alma carinhosa tiver a bondade de providenciar fundos para estes veículos... .. AH! e um programador ou animador, ou la como se chama pa enfiar isto no Arma 3: https://www.turbosquid.com/3d-models/pandur-ii-max/970274 https://www.turbosquid.com/3d-models/3d-model-pandur-tank/723325 https://www.turbosquid.com/3d-models/max-humvee-m1151-enhanced-armament/1107887 https://www.turbosquid.com/3d-models/max-maxx-pro-international-category/698770 https://www.turbosquid.com/3d-models/panhard-vbl-3d-1272740 https://www.turbosquid.com/3d-models/low-poly-daf-tropco-transporter-model-1304857 https://www.turbosquid.com/Search/Index.cfm?keyword=c+295 https://www.turbosquid.com/3d-models/agustawestland-eh101-merlin-helicopter-3d-model/290722 ou https://www.turbosquid.com/3d-models/ehi-eh-101-merlin-hc-3d-max/634700 https://www.turbosquid.com/3d-models/orion-lockheed-p-3-3d-dxf/880382
×
×
  • Criar Novo...